Decoração

A iluminação ideal para cada ambiente

Pinterest LinkedIn Tumblr

Falar da iluminação ideal para cada ambiente vai muito além de falar em lustres e lâmpadas. 

Claro que é importante pensar nas diferentes opções de luminárias, materiais e sua harmonização no conjunto, para que exprima a sua personalidade. Mas, é essencial que a iluminação atenda as funcionalidades de cada ambiente.

É muito  importante o planejamento. Projetar cada ambiente de acordo com as suas peculiaridades, para que tenham a iluminação correta.

Pensando nisso,  vamos falar neste artigo sobre o tipo ideal de iluminação para cada ambiente. Acompanhe.

O projeto geral de iluminação

O projeto de iluminação é composto por uma combinação de fatores como estética, economia e funcionalidade.

Devem ser consideradas a melhor posição para as luminárias, a decoração como um todo, a funcionalidade do cômodo, a área a ser iluminada e as características de cada ambiente.  

Respeitar as características funcionais da iluminação é essencial para o sucesso no projeto. 

Um assunto muito em alta no momento é a sustentabilidade nos projetos. O aproveitamento da iluminação natural, pode gerar economia, tanto em materiais, como na conta de energia no futuro.

Iluminação na cozinha

O ideal é que a cozinha seja bem iluminada. A luz branca é aconselhada para este ambiente. São indicadas lâmpadas com IRC ( índice de reprodução da cor alto).

Lâmpadas halógenas e as dicróicas ficam excelentes, apesar da primeira consumir mais energia, pois emitem muito calor.

Portanto, aproveite a  iluminação natural decorrente de janelas e telhas de vidro, por exemplo.

Iluminação da lavanderia

Para a lavanderia são indicadas lâmpadas de LED ou fluorescentes. Esse também é um ambiente que requer bastante iluminação, com baixo consumo de energia.

Iluminação da sala de estar

A sala de estar é o ambiente onde  o conforto, estilo e personalidade ficam mais evidentes.

Por isso, opte por lâmpadas com tonalidade baixa,e luzes amarelas. Elas são sofisticadas e agregam valor e deixam o ambiente mais aconchegante. 

Você pode combinar fontes de luz indiretas como anteparos, lustres, abajures, etc. Tudo mantendo o conceito harmônico. 

Podem ser usadas lâmpadas dicroicas para destacar alguma peça decorativa.

Iluminação no escritório

Nesse ambiente a iluminação ideal precisa ser discreta e ajustável às suas necessidades.

O ideal é que a iluminação seja forte, assim como a da cozinha. Por isso, a luz não deve ser amarela. 

A luz pode ser branca em pontos de iluminação direta, como mesa, estantes e computadores. 

Iluminação do quarto

Como o foco neste ambiente é relaxar, a luz indicada é em tom amarelado e mais indireta. Podem ser usados abajures e luminárias ao lado da cama como em outras partes do cômodo. 

Neste cômodo, a iluminação pode ser uniforme. Mas, também, pode ser dimerizada, que é quando é possível regular a intensidade do brilho. 

Iluminação do banheiro

No banheiro, o ideal são dois tipos de iluminação: direta e indireta.

Para a iluminação central utilize lâmpadas de LED ou fluorescente com diferentes intensidades. 

Para a bancada, utilize a iluminação indireta, uniforme e intensa. Por isso, opte por lâmpadas de pelo menos 4000K (alto IRC).

Falamos brevemente sobre o quão importante são as peculiaridades e o projeto de iluminação ideal de cada ambiente, e sabemos que isso repercute na funcionalidade das atividades do seu dia-a-dia.

Gostou dessas dicas? Assine nosso newsletter e fique por dentro de tudo para decorar sua casa com alto estilo.

Author

Write A Comment